Postagens

Mostrando postagens de 2011

O Reino dos Sonhos - A Cidade de Cristal

Imagem
Um livro além de um mundo mágico

Autora: Natália Couto Azevedo Capa: M. D. Amado Ilustração de Capa: Doreen Salcher Ilustrações Internas: Doreen Salcher, Linda Bucklin, Bowie15 e Maryna Halton Diagramação: M. D. Amado Editora Responsável: Celly Borges Revisão: Celly Borges



Inicialmente nunca fui fã de fadas. Nem em filmes, livros ou qualquer meio que fosse. Mas já faz um tempo venho querendo me desfazer desse preconceito. E acredito que, graças à Natália, hoje posso ver-me livre desse comportamento tão vergonhoso (risos). Mas, brincadeiras à parte, O Reino dos Sonhos – A Cidade de Cristal, é um livro cheio de méritos e tentarei fazer o mínimo de justiça a ele nesta resenha.
Na verdade, a leitura deste livro era algo que já ansiava desde que vi o Booktrailer divulgado pela Editora Estronho, onde um mundo mágico se ocultava e se revelava diante os olhos e todos os sentidos. Porém, quando adquiri o livro, havia outros títulos aguardando meus momentos de dedicação, mas ao olhar a linda ca…

Teia Virtual

Imagem
Uma trama policial do mundo moderno.
Autor: Carlos Eduardo R. Bonito Capa: Dimitry Uziel Diagramação: M. D. Amado Revisão: Georgette Silen Modelo de Capa: Danny Pilotto Editora Literata



No mundo da literatura e das artes em geral "idéias" é algo que parece não faltar. As que conseguem sair do papel, ou nesse caso, irem para o papel impresso, nem sempre são geniais, ou inovadoras. Dentre as verdadeiras boas idéias, porém, o que tenho visto é um misto de total quebra de limites, ou então, verdadeiras pérolas muito simples, que nos fazem indagar “Como ninguém pensou nisto antes?”. E a obra de Carlos é uma dessas idéias que retratam algo tão provável de acontecer na vida real, que justamente por isso, é fabulosa. Aqui, um serial killer, desses super inteligentes e metódicos utiliza-se da segurança das redes sociais e da interação virtual para cometer seus crimes. Como ele faz isso? Aqui eu não digo, é algo que você só ira descobrir lendo. Mas já da pra ver a boa idéia do autor. …

O Arquiteto do Esquecimento

Imagem
Uma vida inteira que se desdobra.

Autor: Marcos Bulzara 1ª Edição 2009 Coordenação: Valter Jeronymo – Life Editora Projeto Gráfico: Mota Junior Capa e Ilustrações (Criação e Finalização): Luiz Roberto Farias Filho Revisão: Valter Jeronymo Revisão Final: Neide Poli Impressão e Acabamento: Gráfica Viena Life Editora.



É curioso como certos temas, bastante recorrentes, tem a capacidade de encantar ou nos distanciar de uma obra de ficção por motivos difíceis de reconhecer ou entender. Reutilizar fórmulas ou idéias te deixa sempre no limite entre o formal e o íntimo, próximo. Não é para tanto que o romance de Marcos Bulzara se perpetua nesse limiar. O livro, em verdade, conta a história de um judeu polonês antes, durante e depois da Segunda Guerra, com suas perdas, suas lembranças, suas aflições, medos, e vitórias. E o que há de diferente em Doran, o personagem principal, é que ele é um gênio. Alguém com uma grande capacidade de raciocínio e aprendizado. Particularmente, sou fã dos fatos e…

Deus Ex Machina – Anjos e Demônios na Era do Vapor

Imagem
Vapor e mitologia em prol da literatura fantástica.

Vários Autores Editora Estronho Organização: Cândido Ruiz, Tatiana Ruiz, M. D. Amado Montagem e arte da capa: M. D. Amado Diagramação: M. D. Amado Revisão: Celly Borges


“Deus Ex Machina” é outra das antologias da Editora Estronho com chamada e proposta criativa, que se diferencia também pelo capricho da edição. Em uma ambiente bastante saturado da literatura fantástica que é a “Guerra entre anjos e demônios” , os organizadores optaram por mesclar ao enredo a tecnologia Steampunk como objeto principal de trabalho para os escritores, ou até mesmo pano de fundo. De fato, não é uma temática fácil, e no final foram selecionados doze escritores que se juntaram ao convidado Romeu Martins, todos para nos contar de diferentes pontos de vista, e com bastante criatividade, caminhos e desventuras dessa grandiosa batalha.
O prefácio ficou por conta de Bruno Accioly, que nos indica que a viajem é para além de uma literatura de ficção sim, mas fi…

Ethernyt – Sob o Domínio das Sombras

Imagem
E a aventura continua.

Autor: Márson Alquati Coordenação Editorial: Ednei Procópio Assistente Editorial: Juliana Medeiros Comercial: Simone Mateus Revisão: Sandra Garcia Editoração Eletrônica: Equipe Giz Editorial Impressão: Prol Gráfica Editora: Giz Editorial



Este é o segundo livro da saga “Ethernyt” do gaúcho Márson Alquati, que já considero um entre meus autores favoritos, sem medo de ser exagerada ou demagoga. Porém, prometi a mim mesma (e inclusive ao autor) dar minha opinião sincera a respeito de sua obra. Aqui no blog já fiz a resenha para o volume um da trilogia, Ethernyt: A Guerra dos Anjos e fiquei incrivelmente empolgada com a leitura que logo adquiri o segundo e pretendo enveredar no próximo em breve. Mas vamos antes à algumas características que se mostravam no primeiro e que continuam neste. Os personagens são muito carismáticos, fortes, de personalidade distintas, e que eu costumo caracterizar como “personagens tipo”, onde cada um tem um elemento principal (ou dois) de …

Resenha Cyber Brasiliana

Imagem
Sem precedentes. Incrível. Chocante. Perfeito.

Autor Richard Diegues Editor: Gianpaolo Celli Revisão: Fabrícia Carpinelli e Romaniv Chicaroni Projeto Gráfico:Verena Peres Capa: Phil e Ico Diagramação: Richard Diegues Tarja Editorial.




Já faz um tempo que li esse livro, mas não fiz a resenha pois me sentia inapta por dois motivos. Primeiro pela complexidade do gênero “ficção cientifica” com a qual não tenho a menor familiaridade, e em segundo lugar, pelo estado de perplexidade e embriagues que fiquei após a leitura. Richard Diegues - que além de escritor é editor e consultor tecnológico - nos diz na apresentação do livro sobre seu intuito de escrever um romance de Sci-Fi em um cenário cyberpunk que qualquer pessoa não familiarizada com as nomenclaturas tecnológicas pudesse se aventurar na história sem problemas e sem prejudicar a fluidez da leitura. O autor realmente consegue fazer isso. As terminologias mais complicadas vem e vão sem problemas, e conforme seus funcionamentos são descr…

Reino das Névoas

Imagem
Sete mundos onde a fantasia é tão bela quanto cruel.

Autora: Camila Fernandes Capa e ilustrações: Mila F. (a autora) Editores: Richard Diegues e Gianpaolo Celli Revisão: Luciana Garcia Projeto gráfico e Diagramação: Fabiana Fernandes Tarja Editorial Ltda.




O Livro da ilustradora, revisora e contista, Camila Fernandes, tem um diferencial antes de tudo, como projeto, pois a autora foi selecionada pelo ProAc (Programa de Ação Cultural do Estado de São Paulo) através de um edital para a impressão de sua obra. Isso é claro que já é por si só um mérito, porém, quando penso na capacidade que ela demostrou para conseguir o edital com um projeto que tinha como premissa – assim imagino – falar sobre a verdade por trás dos contos de fadas, ou contos de fadas para adultos, é que também reflito sobre como ela deve ter se esforçado desde então. Mas o que vale constatar é que o prêmio foi muito bem colocado e o livro que se formou é realmente muito bom. Falando sobre a estética do livro, desde a bel…

Livraria Limítrofe: O Adeus

Imagem
O livro sem capa.
Autor: Alfer Medeiros Diagramação: M. D. Amado Editora responsável: Celly Borges Revisão: Celly Borges Editora Estronho Selo Fantas.




Para quem vem acompanhando os trabalhos da praticamente recém-nascida Editora Estronho, sabe que o que ela vem desenvolvendo é de uma qualidade gráfica e criatividade impressionantes. Mas ousadia tem limite? Se tem, Marcelo Amado e sua parceira Celly Borges ainda não chegaram lá, pois desde o anunciado do lançamento do primeiro livro do Selo Fantas, já se prometia mais uma “loucura”: um livro sem capa. Para entender melhor esse projeto, vamos falar antes sobre o que é o Selo Fantas. Celly Borges presente como revisora na Editora Estronho já há algum tempo, agora dirige um selo cujo nome foi inspirado em seu blog: Mundo de Fantas, com resenhas de livros, dicas sobre leitura, promoções entre outros. O “Selo Fantas” então veio com a proposta de trazer para dentro do universo esquisito da editora, um canto para a literatura juvenil. E “Liv…

Ethernyt: A Guerra dos Anjos

Imagem
Autor: Márson Alquati Giz Editorial 2009 Coordenação editorial: Ednei Procópio Supervisão editorial: Simone Mateus Editoração eletrônica e capa: Regiane Wagner Jorge Revisão: Janaina Azevedo Impressão: PROL Gráfica




Um enredo incrível.
Um livro que promete algo novo e cumpre com o que foi dito é "Ethernyt: A Guerra dos Anjos" sendo na verdade o primeiro livro de uma trilogia que, apesar do tema aparentemente batido “guerra entre anjos e demônios”, é dotado de uma grande criatividade e tem umas das histórias mais bem encaixadas e pensadas que já li nos últimos tempos. O livro um da saga, poderia ser divido em duas partes. A primeira metade é um jogo de quebra cabeças ou “caça ao tesouro”, onde a leitura caminha por momentos de aventura e ação, entrecortados por sequencias de pistas e mistérios que levam uma a outra na busca de respostas, até então, a cerca de um assassinato com aparência de ritual satânico que ocorre logo no começo da história. A magia desta primeira metade do…

Cursed City

Imagem
Editora Estronho 2011 Capa e Diagramação: M. D. Amado Revisão: Celly Borges Ilustração do Prefácio: Anderson Siqueira Ilustrações Internas: Public Domain Photoshop Brushes Prefácio: Adriano Siqueira Vários autores. Impresso pela IBEP Digital


Falar sobre Cursed não é uma tarefa fácil, porém é muito divertida e emocionante. Sei que pode parecer estranho ou inapropriado resenhar um livro do qual se faz parte, mas quando se trata de uma antologia em que os autores selecionados não mantêm nenhum tipo de contato ou troca de opiniões relativas aos textos, a surpresa e a tomada de ciência da obra completa é muito parecida com a apreciação de qualquer outra obra. E justamente por esses motivos que acho possível falar sobre o livro além de outro fator. Quando você pensa em um conto dentro de uma proposta com um cenário tão rico e detalhado como o desta antologia, é inevitável arregalar os olhos - e até mesmo deixar o queixo cair - diante tantas idéias inesperadas, criativas e diferentes. Ao to…

Insanas... elas matam!

Imagem
Várias autoras. Copyright 2011 – Editora Estronho Fotografias (capa e internas): Andrey Kisele Arte final da capa e diagramação: M. D. Amado. Revisão: Celly Borges.
Falar sobre um livro da recém nascida Editora Estronho, é uma tarefa árdua e deliciosa. Mas antes, o projeto



Segundo o próprio organizador, a vontade de criar o “Insanas” - que consiste em reunir autoras capazes de escrever sobre temas mais dominados por homens (ou nem tanto, e isso eu explico em seguida) e que, principalmente, não se limitam a escrever poemas de amor, checklist, dicas de maquiagem e moda (aff), ou padrões de comportamento e dicas de etiquetas - nasceu justamente depois de se deparar com tantos livros nesses formatos e comparar com a capacidade de algumas autoras que conhecia e aquelas que o mundo conhece como, por exemplo, Anne Rice, Mary Schelley, a própria Agatha Cristhie com suas mortes fabulosas, e as nossas Giulia Moon, e Georgette Silen. Assim, o projeto colocou-se a andar. A chamada animou muitas e…